Como juntar dinheiro para comprar seu apartamento

Como juntar dinheiro para comprar seu apartamento

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
A maioria dos brasileiros sonha em realizar o sonho da casa própria, mas a maioria nem sequer consulta as condições de financiamento de um imóvel, pelo simples fato de não te o valor da entrada.
Assim como no aluguel, há formas de garantir o valor para comprar seu imóvel que envolvem muito pouco dinheiro. A diferença é que, quando você paga aluguel, você está apenas controlando o fluxo de caixa de um ativo em vez de possuí-lo, e isso não traz nenhuma vantagem para você.
Então como realizar esse sonho quando não se tem muto dinheiro? Aqui estão 5 maneiras de fazer isso.

 

Economize cada centavo

Parece radical, mas você sempre pode economizar até que você tenha o dinheiro. Afinal, um imóvel é um investimento: você não consideraria investir em ações, vinho ou qualquer outra coisa sem ter capital, então por que com sua casa própria deveria ser diferente?

Economizar não é divertido – mas é direto, está sob seu controle e é previsível. Apenas acompanhe seus gastos para que você saiba aonde vai o seu dinheiro e encontre maneiras de reduzi-lo o máximo que puder.

Veja desta maneira: cada real que você não gasta em outra coisa (é dinheiro extra que você ganha) e pode investir em um imóvel.

Algumas dicas rápidas para ter mais renda no final do mês:

  1. Mude-se para algum lugar menor ou um bairro mais barato para economizar no aluguel;
  2. Reveja os seus gastos diários e aposto que encontrará pelo menos 5 reais por dia para cortar sem muita angústia. São R$ 1.825,00 por ano;
  3. Ganhe mais! Inicie uma atividade secundária  para trazer renda extra mensal, seja vendendo artesanato ou fazendo o mesmo que o seu trabalho diário como freelancer à noite;
  4. Cancelar coisas! A Sky TV pode chegar a mais de R$ 1.000,00 por ano. A academia que você não vai custa facilmente mais de R$ 800,00 por ano;
  5. Configure uma transferência regular para transferir automaticamente 1/3 do seu salário para uma conta poupança assim que você o receber. Se o dinheiro não está aí, você não pode gastá-lo.

Dependendo da sua situação, pode ser impossível, mas é provavelmente muito mais possível do que você pensa. Se o investimento imobiliário for importante para você, esteja preparado para ficar desconfortável por algum tempo para torná-lo real.

Enquanto você estiver economizando, leia sobre o bairro, os detalhes do imóvel, conheça os tipos de financiamento e faça simulações das parcelas para ter certeza que está economizando o suficiente para tornar o sonho em realidade, e vai mantê-lo motivado todos os dias.

Sua casa pode ser a maior compra que você irá fazer, mas não será o único item de grande valor que você já comprou. A menos que você possa viver confortavelmente sem um carro, provavelmente comprará um veículo novo ou usado a cada poucos anos. Se você tem filhos, precisará fazer um orçamento para a educação deles.

Uma vez que você esteja abrigado em sua casa, provavelmente desejará fazer melhorias sensatas que aumentem seu valor ou acomodem sua família em crescimento. E, o tempo todo, você precisa ter o suficiente reservado para o inesperado.

Cada um desses itens, e muitos outros não mencionados aqui, exigem uma estratégia de economia ponderada. À medida que você conquista pequenas vitórias em sua jornada para juntar a entrada para a casa dos seus sonhos, não negligencie suas outras metas – esteja com o objetivo de alcançá-las no próximo mês, no próximo ano ou na próxima década.

Comece agora mesmo seu planejamento, simule seu financiamento e veja quanto precisa economizar por mês para sair do aluguel!