Alta da Selic: Ainda é um bom Momento de Adquirir meu Imóvel?

Alta da Selic: Ainda é um bom Momento de Adquirir meu Imóvel?

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Selic é a taxa de referência dos juros no Brasil, sendo utilizada como base para investimentos de renda fixa e operações de crédito, como é o caso dos financiamentos imobiliários, por exemplo.

O índice atingiu uma baixa histórica nos últimos meses, chegando próximo a 2 pontos percentuais no final de 2020. No entanto, como já era de se esperar, a taxa voltou a subir, e já gira em torno de 7,75 %, sendo esperado que feche em até 9,25 % antes do final do ano.

Apesar de a alta influenciar fortemente o segmento imobiliária, principalmente por reduzir a quantidade de compradores potenciais, a Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias) defende o aumento como um meio de regular a inflação e garantir o crescimento econômico no país.

É verdade que o aumento da Selic já tem sido repassado para os financiamentos imobiliários, mas especialistas afirmam que a janela de oportunidades ainda é boa para compra, uma vez que, em 2022, os valores podem subir ainda mais.

Vale lembrar também que, pelo modelo da maioria dos financiamentos imobiliários, o aumenta dos juros impactas mais fortemente na primeira parcela a ser paga, ou seja, na entrada, exigindo muitas vezes um maior montante para dar início ao contrato. Outro ponto importante sobre essa janela de oportunidades, é o fato de as habitações populares do Programa Casa Verde e Amarela não sofrerem os impactos da Selic, pelo contrário, o programa ajustou suas condições e reduziu as taxas de juros para famílias de baixa renda, além de ampliar o teto para compra, garantindo que os imóveis continuem com seu alto potencial de negociação.